segunda-feira, 10 de fevereiro de 2014

CONVOCAÇÃO PARA O TCM - CE / UMA VITÓRIA SUADA

Foi uma longa jornada de dedicação e estudos. Quem já foi um concurseiro sabe do que estou falando. Não dá para contar a infinidade de horas dedicadas a aprender matérias muitas vezes desconhecidas com qualidade. Lembro que no ano de 2009, ano em que mais estudei na minha vida, cheguei a ler entre apostilas e livros quase 70.
 
No início de 2009 havia concluído o mandato de vice-prefeito de  Quixadá. De virtual prefeito de minha cidade, eram os meus prognósticos e de muita gente, entrei o ano totalmente despreparado financeiramente. Tinha fechado a minha empresa(Nova Gaspar) e alugado o imóvel a preços para lá de módicos. O aluguel não dava para pagar metade da mensalidade do curso de direito. E esta era a minha única fonte de renda. Com os recursos que ainda tinha, utilizei em cursinho preparatório de concursos (Master).
 
Foquei nos estudos. E a aposta estava mais do que certa. Em fins de 2009 terminei o curso de Direito na UNIFOR. Logo no início de 2010 passei de primeira na OAB. Cansei de escrever peças e peças. Os dedos tremiam de tanto redigir habeas corpus, reclamação trabalhista, mandado de segurança, ação de consignação, recurso de revista, recurso ordinário, entre tantas outras peças. Já advogado e com bons resultados em diversos concursos, embora ainda sem passar, continuei a caminhada. Lembro que as vezes, nos finais de semana, ao sair do Master, passava por inúmeros barzinhos lotados de gente e o que fazia? Ia para casa novamente estudar. Saídas eram as mais raras e para desopilar lá pelo Boteco, recarregando as baterias. Assim foram diversos meses.
 
Veio o convite para assumir a Diretoria administrativa-financeira da Ematerce e depois para a área de planejamento e gestão da SDA. Agradeço por demais o convite inicial ao deputado Zezinho Albuquerque, ao então secretário Ivo Gomes e claro ao governador Cid Gomes. Pude crescer profissionalmente ao compreender e conhecer um modelo gestão centralizado, planejado e eficaz. Foi nesse interim que vieram mais alguns concursos. E nestes, mesmo sem dormir tão tarde estudando, vieram as aprovações.
 
Vivo hoje um momento atrativo na vida. Terminei o MBA da FGV. Tenho a convicção de estar fazendo um bom trabalho no planejamento e gestão da SDA. Na área pessoal vivo excelente relacionamento amoroso e tenho o carinho de muitos amigos e naturalmente de meus familiares. O destino me coloca o desafio de ir para o TCM. Com a mesma dedicação que sempre tive, seja no Banco do Brasil, na Prefeitura de Quixadá, na sua Câmara, na Ematerce ou na SDA estarei lá presente.
 
Agradeço as inúmeras mensagens de apoio de amigos e amigas. Agradeço ao apoio de todos que contei nessa caminhada. Agradeço a minha mãe, a minha querida Cristiane, às minhas irmãs e de meus familiares pelo apoio nesta jornada.
 
Agradeço também aos muitos mestres que encontrei na vida. Do meu saudoso pai, do colega Tavares do Banco do Brasil, da dona Júlia e da dona Fátima Barros no GVA, do Agostinho do Colégio Estadual, do Professor Damasceno de história e do de biologia do CACD Vestibulares, do agradável José Linhares da Páscoa, do amigo Professor Gilberto Telmo, de Luiz Oswaldo, de Ivone, de Belisa, de Glória, enfim tive muitos mestres.
 
Não posso esquecer os mais recentes Humberto Cunha, Laécio Noronha, Cynthia Gadelha, Konrad, Judicael da Unifor; Itamar Teixeira na Ematerce, Nelson Martins na SDA, Alberto Teixeira na EFG e Jayme Macedo do MBA/FGV. 
 
Do Master Concursos não posso deixar de agradecer aos mestres professores Macedo, Fernando Castelo, Lidiane Coutinho, Cecília, Fábio Lobo, Jefferson Viana, Thiago Pacífico, Alessandro e Carlos Viana. Esta turma toda e mais um outro tanto me moldou nos estudos e na vida. Agradeço a todos pelos ensinamentos e entusiasmo que me transmitiram. Muito obrigado.
 
foto: A imagem é de uma das raríssimas festas que a turma de concurseiros do Master participou. Eita saudade.