quarta-feira, 19 de maio de 2010

COTIDIANO NA EMATERCE

Estes primeiros 40 e poucos dias à frente da diretoria administrativa da EMATERCE tem me propiciado conhecer de perto a cultura da empresa, com suas qualidades e dificuldades. Sem dúvida, um dos seus principais pontos é o quadro funcional. Encontrei ali amigos e amigas, pessoas comprometidas com o trabalho e a instituição.

Encontrei uma equipe de trabalho da qual não posso me queixar. São leais e extremamente esforçados. O cronograma de trabalho começa a sair do papel e acredito que dentro de algumas semanas já teremos algo a comemorar. Um dos pontos prioritários em nossa gestão é a modernização da Empresa. Estamos iniciando a implantação da informatização do almoxarifado e patrimônio. Também iniciamos a reordenação do almoxarifado central e dentro em breve começaremos o projeto Documento EMATER, que visa organizar o amplo acervo documental da empresa. A reimplantação da Biblioteca da empresa também é nossa prioridade e deverá acontecer após a conclusão dos trabalhos do projeto relacionado à documentação.

Em parceria com o SEBRAE iniciamos a discussão na reestruturação do Centro de Treinamento (CETREX) que localiza-se em Caucaia. Temos nos detido também à execução de projetos captados para o combate à desertificação de algumas regiões, implantação de unidade móvel da Ematerce e na captação de um grande projeto de Extensão Rural financiado pelo MDA. Brevemente inauguraremos a sede própria da Emater em Quixeramobim e a climatização de Maranguape e Várzea Alegre.

Há problemas ? Muitos, que procuro enfrentar todos os dias. O principal: falta de recursos. Temos no entanto nos esforçado para sanar a situação e acredito que em algum tempo poderemos respirar e ter uma empresa que volte a investir. A diretoria tem atuado de forma uníssona e acredito que iremos superar as dificuldades e projetar o futuro. Um grupo de trabalho está agora trabalhando uma proposta ampla de reformulação a ser apresentada ao atual/futuro Governador Cid Gomes. Tem me faltado tempo para estudar e escrever minha monografia de especialização. Espero concluí-la até final de junho. Entretanto, são ossos do ofício.