sábado, 21 de setembro de 2013

MERCADO CENTRAL DE FORTALEZA

Fachada entrada
detalhe lojas
redes de todos os tipos
stand cheio de azulejos
escolhendo entre mil opções
Santa Ceia nordestina
detalhe figuras
 
Artesanato de qualidade. Redes e roupas atrativas. Comidas e doces típicos do Ceará. Preços convidativos das mercadorias. Estes são alguns dos atributos do Mercado Central de Fortaleza. Um passeio imperdível para visitantes, turistas e para o público em geral.
 
Visitei o Mercado Central de Fortaleza em uma manhã de domingo. As lojas estavam abertas em sua maioria. Nesta visita reserve tempo, pelo menos 4 horas. Há muito o que se ver. No entra e sai de lojas, devo ressaltar a cordialidade e presteza dos vendedores. Vai também uma dica dá para pechinchar no preço e conseguir bons descontos. Não compre na mesma hora, dê uma circuladinha.
 
O Mercado Central é um espaço tipicamente cearense. Ali está um cartão de visita de nossa cultura. Seja pelos produtos a venda, seja pelo atendimento dos vendedores. E este espaço tem mais de 200 anos de existência. Seu primeiro prédio era de madeira, ainda nos idos de 1809, quando foi autorizada sua edificação pela Câmara Municipal. Naquele momento eram comercializados carne, fruta e verdura. Estes produtos não estão no cardápio do Mercado Central hoje, devendo os interessados se dirigirem ao Mercado São Sebastião, outro espaço interessante de se visitar.
 
Reforma após reforma, o Mercado Central passou por muitas mudanças até chegar ao estágio atual com estacionamento, restaurantes, banheiros, 559 boxes em cinco pavimentos. Trata-se de um espaço a visitar e conferir.