terça-feira, 15 de janeiro de 2013

PADRE HAROLDO - A DESPEDIDA DE UM SONHADOR

Tive poucos contatos com Padre Haroldo. Acompanhei sua trajetória a distância. Figura exponencial na defesa da sociedade. Sua imagem é acompanhada da luta por melhores condições de vida para as pessoas. Ardoroso e duro defensor das causas populares. Ao mesmo tempo em que se mostrava um intransigente advogado dos temas em que acreditava; seu convívio mostrava-se como uma pessoa doce, delicada, humana e educada.
Quando foi candidato a governador do Ceará, tive o privilégio de apertar sua mão em uma visita que ele fez à agência do Banco do Brasil de Quixadá. Reecontrei-o, anos depois, quando o atendi no Escritório de Prática Jurídica da Unifor em uma cadeira do estágio IV. Para minha surpresa sentou a minha frente Padre Haroldo e um afilhado. E deste atendimento nasceu uma amizade. Nas duas ou três vezes que o atendi, compreendi a grandeza de sua pessoa. Conversamos e dialogamos sobre vários temas do cotidiano.
Segue em paz Padre Haroldo. Deixa um legado de respeito, humanidade e determinação para os que o conheciam.