quinta-feira, 30 de julho de 2009

SENADO FEDERAL E A CRISE


Já há muito tempo que escutamos falar que o céu na terra existe e é no Senado. Essa brincadeira ganhou corpo pelas inúmeras mordomias, pela estrutura dos gabinetes e das condiçoes para o desempenho do mandato. Acho extremamente correto que os Senadores, representantes das entidades federativas, tenham totais condições para representar bem seus estados. Agora, a situação ali reinante precisa mudar radicalmente. Lamentavelmente, apesar de estar ali os mais experientes representantes da classe política, o sentimento da sociedade é de decepção. Dia após dia, escândalos se sucedem, causando revolta de todos os brasileiros. Fruto de décadas e décadas de desmando administrativo e desrespeito aos princípios constitucionais, as denúncias atingem inúmeros dos senadores. Vamos aguardar que realmente aconteça uma limpeza na política brasileira. Mas só quem pode fazer realmente esta mudança é o povo, principalmente se souber escolher seus representantes. A democracia já está passando dos 21 anos e precisamos aprender a votar. Chega de votar em quem tem um passado nebuloso, em quem não tem propostas, em quem se elege pela força do dinheiro. Se isso acontecer, se os brasileiros realmente acordarem e tratarem o voto com a mesma atenção que dedicam ao seu time de futebol preferido, aí sim teremos mudança.