segunda-feira, 11 de outubro de 2010

DIA DE CAMPO DA EMATERCE SOBRE ABACAXI EM SANTANA DO CARIRI

No dia 7, quinta-feira, a Ematerce promoveu um Dia de Campo sobre a Cultura do Abacaxi, no município de Santana do Cariri, na Serra da Canafístula, distrito de Dom Leme. Com mais de 300 pessoas, dentre autoridades, agricultores(as), extensionistas, estudantes e convidados especiais, o evento alcançou os objetivos propostos pelo gerente do escritório local, Francisco Novais Tavares, e sua equipe de trabalho, ou seja, divulgar a viabilidade técnica e econômica, com boa margem de lucro, do cultivo de abacaxi.

Segundo o gerente regional Ematerce/Cariri, Engº Agrº Francisco Adonias Sobreira, a chapada do Araripe, com altitude acima de 600 metros, tem um microclima favorável ao cultivo dessa cultura. Atualmente, Santana do Cariri dispõe de uma área plantada com mais de 200 hectares, cujos agricultores são beneficiados pelo Pronaf e os financiamentos de seus projetos são pelo Banco do Nordeste.

Frise-se que a cultura do abacaxi está voltando à Chapada do Araripe, após 30 anos. Com a iniciativa da Ematerce, orientando os agricultores, há uma expansão das áreas com abacaxi. Somente em Santana do Cariri, 74 produtores são assistidos pela Ematerce, ocupando uma área de, aproximadamente, 200 hectares. Destaque-se, também, que Santana do Cariri foi o maior produtor dessa fruta no Ceará.

Ao jornalista Antonio José de Oliveira, assessor de comunicação e ouvidor da Ematerce, o agricultor familiar e proprietário da fazenda, local do dia de campo, Antonio Nogueira, disse de sua satisfação em ver tanta gente presente ao dia de campo e de receber assistência técnica da equipe da Ematerce de Santana do Cariri, que o ajudou a melhorar suas condições de vida, plantando e colhendo bons frutos, vendendo-os ao preço de R$ 2,00 a unidade, cujo peso varia de 2 a 3 quilos. Afirmou que expandirá, para o ano, a área com abacaxi.

Declarou que concretizou seu sonho de cultiva abacaxi. Atualmente, possui uma área plantada de 3,5 hectares, com 40 mil plantas, cujos frutos são vendidos em Santana do Cariri e municípios vizinhos. A sua segunda atividade é a apicultura, com 200 colméias, dando uma produção de 147 baldes de 25 quilos cada, vendida para a Cearapi ao preço de R$ 4,00 o quilo e, neste ano, a R$ 6,00. Deseja , ainda, adquirir mais 100 colméias. O agricultor Nogueira planta, em sua propriedade, uma área de 4 hectares de mandioca.

Plantação de abacaxi em Santana do Cariri
Secretário Amorim(SDA) carrega produção de abacaxi em carrinho

Ao final do Dia de Campo, realizado pela Ematerce, com apoio da Secretaria do Desenvolvimento Agrário do Ceará e Banco do Nordeste, agência de Crato, houve a entrega de uma Carta de Crédito, do Programa Nacional de Crédito Fundiário, pelo secretário do Desenvolvimento Agrário do Ceará, Antonio Amorim, ao presidente da Associação dos Empreendedores Rurais da Fazenda Ventura, Francisco Olegário da Costa, no valor total de R$ 619 mil reais, para aquisição de uma área de 336, 71 hectares, sendo 187 mil reembolsáveis e 432 mil reais não reembolsáveis. Com a liberação dos recursos, são beneficiados 16 famílias, que explorarão a cultura do abacaxi.
 
Cheguei a provar um abacaxi tirado do pé. Pense em um produto delicioso. Olhe que estamos no mês de outubro e sob um sol escaldante aconteceu o evento. Foi mostrada a viabilidade da cultura do abacaxi para esta região, com apresentação prática de seu manejo. Quero parabenizar toda a equipe da Ematerce pelo excelente evento realizado. Ah, faltou minha foto saboreando o abacaxi.