terça-feira, 26 de outubro de 2010

DILMA NO CEARÁ - FESTA NA PRAÇA DO FERREIRA

                                Engraxando os sapatos antes do evento
                                Público presente
                               Anúncio da chegada de Dilma
                                Chuva de papel picado
Público saúda a presença de Dilma

Estive hoje na Praça do Ferreira por ocasião da passagem de Dilma Rousseff ao Ceará. Cheguei em cima da hora com um calor abrasador. Muitas pessoas circulavam pelas ruas do entorno. Adesivos e bandeiras eram disputadas pela militância.

Enquanto não começava o evento aproveitei para bater papo com muitos conhecidos e acabei sendo atendido por um engraxate. Tudo parecia um pouco calmo, mas quando se anunciou a presença da presidenciável foi um rebuliço. A junção das pessoas presentes foi como se juntasse um mar de gente seguindo o carro que conduzia Dilma, Ciro, Cid, entre outros. Segundo a PM foram mais de 35.000 pessoas. Gritos, aplausos, papel picado, empurra-empurra para ver Dilma, de tudo aconteceu. Uma grande esta sob o sol escaldante de uma da tarde.

Quando o carro com Dilma passou, a multidão foi atrás levando tudo pela frente. No final da pequena passeata/caminhada, Dilma falou pouco mas disse que nunca esqueceria aquela manisfestação de apoio do povo cearense. Pediu o apoio de todos os presentes.  Pediu que trabalhássemos pelos votos até o último minuto para garantir as conquistas sociais e outras que advirão com a continuidade da atual gestão. Falou que era o momento de uma mulher chegar à presidência. No final, muitos aplausos e gritos de apoio. A palavra de ordem mais pronunciada era: "Serra não, mamãe".

Como o acontecimento não durou tanto tempo assim ainda pude voltar ao trabalho e relatar o acontecimento aos colegas. Acho que realmente teremos uma mulher na presidência. Se depender do Ceará a coisa vai acontecer.

obs: No anúncio da presença da prefeita de Fortaleza se ouviram algumas vaias.