quinta-feira, 1 de abril de 2010

ORIGENS SEMANA SANTA

A Semana Santa é um feriado cristão dedicado à reflexão e à celebração da vida. É um evento religioso que obedece ao calendário litúrgico da Igreja Católica. No Brasil, é um dos feriados cristãos mais comemorados, com missas, procissões e eventos especiais.

Em cada lugar, a paixão, morte e ressurreição de Cristo é celebrada de maneira peculiar. Em Olinda, na Procissão dos Passos, os devotos percorrem as ladeiras com velas, tochas e castiçais iluminando o caminho.
Em muitas cidades, os moradores estendem enormes tapetes coloridos nas ruas, verdadeiras obras de arte feitas dos mais diversos materiais, como flores, serragens, palha de café, vidrilhos e outros produtos.

Entre os locais mais conhecidos no Brasil, destaca-se a cidade-teatro Nova Jerusalém, a 49 km de Caruaru, em Pernambuco. Ali, num cenário grandioso de mais de 70 mil m², todos os anos, desde 1968, é encenado o espetáculo da Paixão de Cristo, com cerca de 500 atores e figurantes.

Em 325 d.C, o célebre Concílio de Nicéia, patrocinado pelo imperador Constantino e regido pelo Papa Silvestre I, consolidou a doutrina da Igreja Católica, transformada em religião oficial do Império Romano.
A partir de então, em Jerusalém, teve início a celebração do martírio de Cristo em três dias consecutivos.

Sexta-feira da Paixão passou a ser o dia dedicado ao sacrifício e morte de Jesus, Sábado de Aleluia o dia consagrado ao luto, e Domingo de Páscoa a festa da ressurreição.

Um decreto do Papa estabelecia o Domingo da Ressurreição como a data religiosa mais importante do ano, celebrada sempre no domingo seguinte à primeira lua cheia da primavera. No Hemisfério Sul, a estação correspondente é o outono.

Depois de Jerusalém, diversas comunidades cristãs adotaram a Semana Santa, que, hoje em dia, começa sete dias antes da Páscoa, com o Domingo de Ramos, que comemora a entrada de Jesus em Jerusalém, saudado pelo povo com ramos de árvores. Na quinta-feira é celebrada a Última Ceia, a última noite que Jesus passou com os discípulos.

Fonte: http://www.brasilazul.com.br/semanasanta.asp