quinta-feira, 26 de novembro de 2009

ARIANO SUASSUNA EM FORTALEZA: UM MENESTREL DA CULTURA SERTANEJA


Já tinha escutado algumas vezes em entrevistas as idéias do escritor Ariano Suassuna. Nada comparável como vê-lo de perto na defesa da cultura brasileira, da arte, da poesia, da dança. Perante um auditório lotado, como nas grandes sessões de cinema do Cine São Luiz dos meus tempos de criança, empolgou a todos que lá compareceram com seus "causos", declamação de poemas e histórias de sua vida. De como encontrou sua amada, de como se encontrou com a poesia, de como baseou sua obra prima: o "Auto da Compadecida". Ariano é de uma simplicidade e de uma firmeza na defesa de suas idéias, que empolga e conquista seguidores. Falou do seu trabalho como secretário de cultura do estado de Pernambuco, especialmente da  caravana da cultura que percorre os municípios pernambucanos. Fez uma homenagem especial a Leonardo Mota, cearense que mereceria ser melhor reconhecido, afirmou ele. Aplaudido de pé no final, com certeza recarregou as baterias para sua peregrinação em prol da cultura nordestina e brasileira. Uma noite memorável essa de hoje.