sábado, 28 de março de 2009

DROGAS: UMA PESTE MODERNA


Sem dúvida as drogas se configuram em um dos grandes problemas do cotidiano mundial. Afeta a todas as famílias, independentemente de poder aquisitivo ou educacional. Em nossa cidade Quixadá considero como um dos nossos problemas mais graves, responsável pelo desajuste familiar, pela criminalidade, pela violência. Urge a necessidade de realizarmos ações de combate seja na área educacional, social ou de segurança.

Segue abaixo algumas curiosidades e estatísticas sobre este grave problema no nosso Brasil no Mundo.


no Brasil:
· 1% da população consome drogas ilícitas;
· 17 milhões de brasileiros são dependentes de álcool;
· 90% das internações hospitalares causadas por drogas são motivadas pelo álcool;
· o alcoolismo provoca outras 60 doenças diferentes, a maioria fatal;
· em 78% das mortes em acidentes do trânsito o álcool está presente;
· o álcool provoca o prejuízo de 7,3% do PIB: 70 bilhões de reais;
· 52% dos garotos entre 12 e 17 anos já consumiram álcool. 6,9% dos meninos e 3,5% das meninas estão dependentes;
· 85% dos menores infratores usam drogas no momento de cometerem crimes;
· entre os usuários, 8% são mulheres;
· 36% são negros ou de cor mista;
· 72% tem entre 16 e 17 anos;
· a metade estuda e 60% não trabalha;
· 51% são dependentes da maconha e 11% de solventes;
· o Brasil é o segundo país no consumo de maconha na América do Sul, só perdendo para a Venezuela;
· o Brasil aparece em 9º lugar no consumo de cocaína na América do Sul;
· 70 % das mulheres e somente 40% dos homens respondem ao tratamento para livrarem-se da dependência à cocaína;


no mundo:
- 1 em cada 3 pessoas faz uso de drogas ilícitas: 180 milhões
- US$ 322 bilhões é o valor das vendas a varejo do mercado mundial de drogas;
- 200 milhões de pessoas, 5% da população entre 15 e 64, consomem drogas pelo menos uma vez ao ano;
- a maconha é a droga mais usada no mundo;
- 161 milhões de pessoas, cerca de 4% da população entre 15 e 64 anos fazem uso de maconha;
- 10% de quem experimenta maconha torna-se usuário diário;
- Para marcar o dia internacional das drogas, na China, foram executadas 17 pessoas acusadas de tráfico;
- a Argentina é a líder de consumo de cocaína da América do Sul;
- a Holanda foi o primeiro país do mundo a aprovar, em setembro de 2003, a venda de maconha para fins terapêuticos em farmácias. A venda já era permitida em cafés mediante autorização governamental;
- na Holanda quem for pego com até 3 gr de cocaína não será mais processado. Foi o jeito encontrado para desafogar o Judiciário;

obs: A foto é de uma campanha contra as drogas e mostra a evolução de uma jovem viciada em drogas