domingo, 16 de agosto de 2009

UMA HISTÓRIA DE CARLOS LACERDA


Dono da inteligência mais rápida no faroeste da política brasileira, Carlos Lacerda nunca se apertava. Certa vez foi a um ato político em Montes Claros (MG) e percebeu que os muros da cidade tinham sidopichados pelos adversários políticos: "Lacerda rima com merda".
Ao concluir o discurso, Lacerda se despediu assim:
- Aos amigos, deixo um grande abraço. Aos adversários, a rima.
Fonte: "Poder sem pudor" - Cláudio Humberto